Na véspera de julgamento sobre André do Rap, Fux e Bolsonaro se encontram

O presidente do STF, Luiz Fux e o presidente da República, Jair Bolsonaro conversaram sobre a gestão do Judiciário.

© Fellipe Sampaio/STF

Por Poder 360

O presidente da República, Jair Bolsonaro, e o presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Luiz Fux, se reuniram pela 1ª vez desde que o ministro tomou posse na Corte nesta 3ª feira (13.out.2020). Segundo a assessoria da Corte, estabeleceram o diálogo institucional e o magistrado apresentou os eixos de sua gestão a Bolsonaro.

O encontro foi na véspera do julgamento sobre o caso de André Oliveira Macedo, conhecido como André do Rap, que foi solto depois de decisão do ministro Marco Aurélio. Apesar de condenado em 2ª instância, ele estava preso preventivamente. Ele é considerado pela Justiça 1 dos principais traficantes da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital).

A decisão de Marco Aurélio teve por base trecho incluído no sistema de leis pelo pacote anticrime, que entrou em vigor em dezembro de 2019, depois de aprovado pelo Congresso e sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro. No texto, foi estabelecido que a cada 90 dias prisões preventivas devem ser revistas.

Depois que André do Rap já estava solto, o presidente do STF, Luiz Fux, derrubou a decisão de Marco Aurélio. A divergência dos ministros azedou o clima no Supremo. O traficante está foragido e foi incluído na lista da Interpol.

“O encontro foi solicitado pelo presidente da República e “estabelece o diálogo institucional entre os líderes e reforça a harmonia entre os Poderes”, publicou o site do STF.

“A reunião durou cerca de 45 minutos e aconteceu sem a presença de assessores ou ministros. Na oportunidade, o presidente Fux apresentou as principais diretrizes da gestão à frente do STF e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para o biênio 2020/2022”, informou nota da Corte.

Entre os pilares da gestão, Fux colocou para Bolsonaro temas como o combate ao crime organizado e à corrupção.

Compartilhe esta notícia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguese