Shakira entrega mais de R$ 35 milhões em outro caso de fraude fiscal na Espanha

Julgamento desta ação foi aberto em julho e se refere a dívidas de 2018

Shakira em cerimônia do MTV Video Music Awards – Andrew Kelly – 12.set.2023/Reuters

Estadão

Condenada na segunda-feira (20) a pagar uma multa de mais de 7 milhões de euros (cerca de R$ 37,4 milhões, na cotação atual) por fraude fiscal na Espanha, a estrela colombiana Shakira entregou 6,6 milhões de euros (R$ 35,3 milhões) em outro processo contra ela, informaram os seus representantes nesta sexta-feira (24).

Um tribunal nos arredores de Barcelona anunciou, em julho, a abertura de um novo julgamento contra a cantora de 46 anos por fraude fiscal, que remonta a 2018 e ascende a 6,6 milhões de euros entre juros e taxas de regularização.

Esta quantia foi entregue pela artista ao tribunal no final de agosto, informou à AFP a agência de representação de Shakira, que confirmou informações do jornal catalão El Periódico.

Segundo o jornal, este pagamento solicitado pelo Ministério Público não prejudica a sua culpa ou inocência, mas seria “uma demonstração” de acerto de contas com o Tesouro espanhol.

Contatadas pela AFP, as autoridades judiciais catalãs não responderam até o momento.

A cantora, que se mudou com os filhos para Miami após a separação no ano passado do ex-jogador de futebol espanhol Gerard Piqué, tem outro processo administrativo aberto no Tesouro, relativo a 2011.

Compartilhe esta notícia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguese