Prefeito Mão Santa de Parnaíba, homenageia à Independência do Brasil

A solenidade aconteceu no Centro Cívico de Parnaíba.

© PMP. Prefeito de Parnaíba Mão Santa, a vereadora Neta Castelo Branco o presidente da Câmara Carlson Pessoa em hasteamento das bandeiras.

Por Phbwebcidade

Marcos Ranyere Portela da Cunha

Nesta terça-feira (07.set.2021), foi comemorado o dia da independência do Brasil em Parnaíba, localizada no litoral do Piauí realizado em 7 de setembro de 1822.

A solenidade, que contou com a presença do prefeito Francisco de Assis Moraes Sousa o Mão Santa acompanhando da primeira dama Adalgisa de Carvalho Moraes Sousa, o presidente da Câmara o jornalista Carlson Pessoa a vereadora Neta Castelo Branco e demais autoridades políticas, teve início com o hasteamento das bandeiras de Parnaíba, Piauí e Brasil com a presença de Mão Santa, Neta Castelo Branco e Carlson Pessoa no levantando das bandeiras respectivamente.

Depois, logo em seguida, foi feito o descerramento da placa na praça do Centro Cívico que cita o presidente Jair Bolsonaro e suas lutas pelo presidente para manter as tradições cívicas e cristãs do país. Depois a escola Rolan Jacob desfilou para as autoridades e públicos presentes e em seguida o prefeito discursou e lembrou da contribuição da cidade de Parnaíba para o País.

Neste exato momento estamos dando início a comemoração do nosso tradicional 7 de setembro. Hoje é um dia muito especial, pois, o mundo todo, está apoiando o presidente da República Jair Messias Bolsonaro. Eu nunca vi na história do mundo tantas manifestação que agitaram o Mundo todo em defesa do presidente da República. E aquilo, que, de maior valor o seu povo, saiu as ruas. Onde foi tomada a praça da capital federal Brasília, gritando em uma só voz “queremos o Brasil que nos pertence a tradição cristã da família e do respeito” disse Mão Santa.

No fim o evento foi finalizado com a banda Simplício Dias da Silva e com a apresentação do Tenente Aposentado o Borgea representando o personagem D. Pedro I gritando “Independência ou Morte”. Em que todos gritaram no local INDEPENDECIA!!!!!!!!!

Compartilhe esta notícia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguese