Comunicador de Cocal de Telha é atacado por piranha durante pescaria em Campo Maior no Piauí

A vítima saiu rapidamente nadando ao ser mordido por piranhas.

Raimundo Alves, ficou com uma cratera no braço ao ser mordido por piranha no Rio Jenipapo em Campo Maior.

Fonte/crédito: Em Foco 

O comunicador Raimundo Alves que trabalha na assessoria da Prefeitura de Cocal de Telha foi atacado por um peixe conhecido como Piranha enquanto pescava no rio Catanada, um braço do Rio Jenipapo, em Campo Maior no último domingo (29.out.2023).

Ele estava na companhia de um tio e sobrinho quando entrou no rio para desenganchar a rede de pesca quando foi atacado. “Saí rapidão nadando e meu sobrinho me levou numa churrascaria que fica lá perto e me levaram para o Hospital de Campo Maior” relatou Raimundo informando que perdeu muito sangue.

Ao chegar no hospital, ele foi informado que esse não era o primeiro caso, que inclusive outras pessoas já tinham sido atendidas no mesmo dia pelo mesmo motivo.

Ele informou que já tem o hábito de frequentar e pescar no local, mas nunca tinha acontecido isso.

OBS: Quem for nadar no Rio Surubim e seus afluentes, avistar primeiro a superfície das águas. E não entrar com grandes ou pequenos ferimentos no rio.

Além de piranhas, o rio possui, Sucuri (Sucuriú), cobra preta, jacaré e peixes elétricos.

Compartilhe esta notícia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguese