No Ceará, Bolsonaro inaugura obra do Rio São Francisco e em MG provoca aglomerações.

Presidente acionou comporta que permitiu a chegada das águas do manancial ao estado

Presidente Jair Bolsonaro em transposição do Rio São Francisco no Ceará.

Por: Augoto Fernandes, Correio BrasiliensePhbwebcidade Parnaíba PI

Depois de se convencer de que está tudo tranquilo após uma conciliação com os três poderes e ao inquérito do filho Flávio Bolsonaro indo para segunda instância, o presidente Jair Bolsonaro inaugurou, na manhã desta sexta-feira (26/6), um dos trechos da obra de transposição do Rio São Francisco.

Em Penaforte (CE), o chefe do Executivo acionou a comporta que permitiu a chegada das águas do Velho Chico ao território cearense.

O trecho inaugurado pelo mandatário faz parte do Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco. Com a ação, a água que já abastece o Reservatório Milagres (em Pernambuco) passará pelo Túnel Milagres (na fronteira dos dois estados), começará a encher o Reservatório Jati (no Ceará) e seguirá, por fim, até a Paraíba e Rio Grande do Norte.

“A recomendação desde o início do governo (é) que não deixaríamos nenhuma obra parada.

Isso faz parte de um compromisso nosso.

A gente fica muito feliz em trazer a água para quem precisa”, comentou Bolsonaro, durante o evento. “Vai ajudar na agricultura e levar água para o cidadão nordestino. É uma novela que está chegando ao fim”, completou o presidente.

Segundo o governo, o Projeto de Integração do Rio São Francisco soma 477 quilômetros de extensão e é o maior empreendimento hídrico do país. Quando todas a estruturas e sistemas complementares nos estados estiverem em operação, cerca de 12 milhões de pessoas em 390 municípios diferentes serão beneficiadas.

Quando estiver pronto, o canal levará a água do Velho Chico ao Rio Paraíba para abastecer reservatórios em Pernambuco e na Paraíba.

Viagem de Bolsonaro que não constava na agenda oficial em Araguarí em Minas Gerais.

Bolsonaro provoca aglomeração ao chegar em Minas Gerais neste sábado.

Depois da inauguração da transposição do “Velho Chico” no Ceará, o presidente fez uma viagem que não constava na agenda oficial. De acordo com a assessoria, trata-se de compromisso privado

Em meio ao avanço da pandemia do novo coronavírus no país, o presidente Jair Bolsonaro voltou a provocar aglomeração ao chegar em Araguari, em Minas Gerais, neste sábado (27/6). A cena foi transmitida pelas redes sociais do presidente.

Ao pousar na base da Polícia Rodoviária Federal, Bolsonaro tirou a máscara para cumprimentar de longe apoiadores que o aguardavam na rodovia. O presidente segurou o equipamento de segurança e chegou a passar a mão no rosto.

Nessa semana, um juiz do Distrito Federal determinou que o presidente deve ser obrigado a usar máscara em espaços públicos da capital.

O uso da proteção também é obrigatório em todo o estado de Minas Gerais desde abril.

Compartilhe esta notícia!

Atividade Principal: Editor de Jornais Diários Independente. CNAE - 58.12 - 3/01. CNPJ: 33.094.337/0001-64 Empresa: Phbwebcidade. Formação: Pedagogo e Especialista em Psicopedagogia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese