Aos 77 anos, morre o ator Cecil Thiré

O ator faleceu enquanto dormia em sua casa, no Rio de Janeiro.

© TV Globo/Reprodução

Por CLAUDIA

Morreu de causas naturais nesta sexta-feira (9) o ator e diretor Cecil Thiré. Aos 77 anos, ele sofria do mal de Parkinson e faleceu enquanto dormia em sua casa, no Rio de Janeiro.

Filho da atriz Tônia Carrero com o artista plástico Carlos Arthur Thiré, Cecil estreou no cinema aos 9 anos, fazendo uma pequena aparição no filme Tico-tico no fubá, estrelado por sua mãe.

Por anos, o ator trabalhou na , emissora que se destacou nos papéis de Mário Libertado (Roda de Fogo) e Adalberto (A Próxima Vítima), além de ter participado de novelas como Top ModelSol de Verão e Espigão.

Thiré também dirigiu diversos filmes, entre eles O Diabo mora no sangueO Ibrahim do subúrbio Os Mendigos. Seu último trabalho foi na Record, interpretando o personagem Eduardo Sotero na novela Máscaras.

Cecil teve quatro filhos: Miguel Thiré, Carlos Thiré, Luísa Thiré e João Cavalcanti Thiré. Em vídeos, Luisa disse que seu pai “merecia ter o velório mais lindo mundo, cercado de gente que ele ama. Papai foi um guerreiro. Lutou pela democracia, pela arte, lutou pelo teatro. Teve quatro filhos, sete netos e foi um guerreiro até o último minuto.”

Compartilhe esta notícia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguese